terça-feira, 28 de abril de 2015

Nigéria : a fúria dos integralistas de Boko Haram

Por Eliana Maria (Ir. Gabriela, Obl. OSB)


‘A fúria dos integralistas islâmicos de Boko Haram continua a flagelar a Nigéria. Novos ataques no Estado de Kogi, na pequena cidade de Damasak, no Borno; teriam sido assassinadas cerca de 400 pessoas.

O Padre Giulio Albanese, Diretor da Agência de notícias  MISNA, afirmou à Rádio Vaticano que a consequência dos ataques é terrível : ‘corpos em avançado estado de decomposição disseminados ao longo das ruas, outros abandonados dentro de casas, para não falar da identificação de numerosas valas comuns perto de um rio, e até mesmo pilhas de tanta humanidade sem vida no leito do rio sem água nesta época do ano’.

Segundo algumas testemunhas os corpos encontrados seriam cerca de 400 na cidadezinha de Damasak, no Borno, Estado do norte da Nigéria. Uma pequena cidade devastada pelos integralistas de Boko Haram cerca de um mês atrás. Então se pensava que os milicianos jihadistas tivessem sequestrado as vítimas. Certamente algumas delas foram levadas como reféns, mas muitos dos civis foram assassinados no local a tiros ou machadas.

Reconquistada nos dias passados pelas forças nigerianas e chadianas, Damasak é a metáfora de uma tragédia infinita. E se isso não fosse o suficiente, cerca de vinte pessoas foram encontradas sem vida ao longo de uma estrada do Borno, enquanto em outro Estado nigeriano, Kogi, uma bomba destruiu uma emissora de rádio privada. Ainda impreciso o número de vítimas.


Fonte :
* Artigo na íntegra de http://www.news.va/pt/news/nigeria-a-furia-dos-integralistas-de-boko-haram
  

Nenhum comentário: