quarta-feira, 1 de junho de 2016

Canonização de Elizabeth Hasselblad

Por Eliana Maria (Ir. Gabriela, Obl. OSB)

 


‘Uma delegação ecumênica da Suécia estará presenta na Praça São Pedro no próximo dia 5 de junho para a canonização Elizabeth Hasselblad, fundadora da Ordem do Santíssimo Salvador de Santa Brígida. Ela foi beatificada pelo Papa João Paulo II na Praça São Pedro em 9 de abril do ano 2000.


Delegação ecumênica

‘A Diocese católica de Estocolmo está organizando uma peregrinação a Roma com cerca de 250 peregrinos provenientes de toda a Suécia, lê-se no site do Conselho das Igrejas Suecas, citado pela Agência SIR. ‘O grupo compreende também peregrinos ecumênicos do Conselho, entre os quais o Secretário Geral Wiborn’.

A Missa presidida pelo Papa Francisco será transmitida Ao Vivo pelo canal SVT2, segundo canal da televisão estatal. Na delegação estará presente um grupo de parentes da nova santa e representantes da cidade de Herrljunga, onde Hasselblad nasceu em 4 de junho de 1870 em uma numerosa família luterana.


Conversão do luteranismo ao catolicismo

Emigrada aos 18 anos no Estados Unidos, trabalhou como enfermeira em favor dos mais vulneráveis de Nova Iorque. Em 1902 converteu-se ao catolicismo e no ano seguinte transferiu-se a Roma, onde em 1911 fundou a Ordem Salvatoris S. Brigidae, ramo da Ordem desejado por Santa Brígida em 1300.


Justa entre as Nações

Durante a Segunda Guerra Mundial, Elizabeth Hasselblad escondeu muitos judeus, gesto pelo qual recebeu o título de ‘Justa entre as Nações’ do Estado de Israel.

Que uma pessoa sueca seja canonizada é um fato muito raro’, lê-se no comunicado do Conselho de Igrejas. A última vez remonta a 1391, quando Santa Brígida foi canonizada pelo Papa Bonifácio IX.

Elizabeth Hasselblad faleceu em Roma em 24 de abril de 1957.’

  
imgimage-33209.jpg

Fonte :
* Artigo na íntegra

Nenhum comentário: